PrevSIAS
Espaço do Participante

Dicas para uma aposentadoria mais tranquila

Blog SIAS 9 de agosto de 2019

Dicas para uma aposentadoria mais tranquila

Quando estamos com 20, 30 anos, a aposentadoria parece ser algo muito distante, mas quanto mais cedo fizermos o planejamento para esta fase da vida, melhor poderemos aproveitá-la. Muita gente se preocupa apenas com a questão financeira, mas há outros aspectos que devem ser levados em conta e que, certamente, terão grande impacto nesta fase da vida.

1 – Investir na saúde
O que adianta conseguir se aposentar financeiramente bem, se a saúde (ou melhor, a falta de) não lhe permitir aproveitar a vida? Além disto, manter a saúde acaba ajudando também no aspecto financeiro, pois isto significa um gasto menor com remédios e tratamentos, sem contar ainda com eventuais acompanhantes como enfermeiros ou cuidadores. Por isto, é importante fazer atividade física sempre e ter uma alimentação saudável. Não é preciso abrir mão dos pequenos prazeres da vida: uma cervejinha com os amigos, um doce para acompanhar o café ou o chá, até mesmo um pouquinho da gordura que acompanha a picanha. Basta ter moderação!
Outra coisa importante é estar com os exames médicos em dia. Prevenir doenças acaba representando um ganho financeiro tanto na economia com remédios e tratamentos, quanto na diminuição de faltas no trabalho por problemas de saúde.

2 – Investir em alguma atividade para ser feita no período da aposentadoria
Falamos no item anterior da questão física, mas é importante também não negligenciar a parte mental. Ter uma atividade para quando estiver aposentado ajuda a manter sua saúde mental e pode também vir a ajudar na sua saúde financeira. Você pode simplesmente investir seu tempo em algum hobby, mas pode ser ainda mais interessante trabalhar em algo de seu interesse; melhor ainda se for remunerado ou lhe trouxer algum tipo de receita, que possa complementar a renda de sua aposentadoria
O grande ponto aqui é que você deve planejar esta atividade antes da aposentadoria, para que possa pôr em prática assim que pendurar as chuteiras. Para alguns, algo que seja em tempo parcial funciona melhor, pois libera tempo para dar mais atenção à família ou mesmo para se dedicar a um hobby ou viajar pelo mundo. Outros, no entanto, preferem algo que lhes deem realização pessoal e não se importam de dedicar todo o seu tempo nisto.

3 – Ajustar o padrão de vida
Para muita gente, ter pequenos luxos é o que a vida lhes oferece de melhor. Frequentar lugares badalados, ter sempre o último modelo de celular, dirigir carros de luxo podem trazer satisfação pessoal. No entanto, será que eu consigo manter este mesmo padrão quando eu me aposentar? Na grande maioria das vezes, a resposta é não. E o mais difícil é se acostumar com um padrão de vida mais simples quando se está acostumado com um padrão mais alto. Por isto, é importante listar as prioridades de vida e ajustar o padrão de consumo para um nível que possa ser mantido não só no presente como também no futuro. Isto vale não só para você , como também para a sua família.

Fonte: Blog Minhas Economias